Comprar ou alugar um imóvel? Tome agora essa decisão!

Uma dúvida comum para quem quer ter o próprio espaço é se vale mais a pena alugar ou comprar um imóvel. Alguns dizem que alugar um imóvel é jogar dinheiro fora, enquanto outros argumentam que comprar é deixar muito dinheiro parado ao invés de investi-lo.

A verdade é que as duas opções apresentam vantagens e desvantagens e, para descobrir qual é a mais interessante para você, é preciso analisar os benefícios e entender o seu perfil.

No texto de hoje, iremos apresentar os lados bons e ruins de cada um dos investimentos para que você decida o que é melhor para você: comprar ou alugar. Confira!

Comprar um imóvel

Ter um lugar para chamar de seu é um objetivo de muitos. Os motivos são vários, como deixar um patrimônio para sua família, ter tranquilidade com a redução do custo fixo familiar e não se preocupar com pagamento de aluguel.

Por outro lado, comprar também pode significar fazer um financiamento com juros altos ou imobilizar um dinheiro que poderia ser investido e render bastante. Listamos aqui algumas das vantagens e desvantagens da compra de imóvel.

Vantagens

Uma das maiores vantagens de se adquirir um imóvel é a tranquilidade de ter uma propriedade. Você não irá mais se preocupar em pagar aluguel e não terá aquela constante insegurança de um aumento inesperado ou um término precoce de contrato.

Além disso, ter um imóvel próprio significa ter um patrimônio que ficará na sua família por várias gerações. Você poderá ficar tranquilo sabendo que deixará uma casa para seus filhos e isso diminui o custo fixo do aluguel na vida deles.

Outra vantagem é a valorização o mercado imobiliário. Ao longo dos anos, várias regiões da cidade têm se valorizado, em alguns lugares de forma discreta, enquanto em outros de maneira bem significativa.

A construção de um empreendimento comercial, de um centro cultural ou mesmo de um espaço público de convivência (como uma praça ou um parque) podem ser responsáveis pela alta valorização de uma parte da cidade, o que pode fazer com que seu imóvel aumente (muito) de preço.

Mesmo quando nada acontece, naturalmente os imóveis se valorizam, o que significa que, caso você opte por vender seu imóvel ou mesmo colocá-lo para alugar um dia, poderá conseguir mais dinheiro do que pagou para adquiri-lo, o que permite comprar outro talvez sem nem mesmo ter que investir mais dinheiro.

Desvantagens

Por outro lado, existem também algumas desvantagens em comprar um imóvel. Uma delas é deixar uma grande quantidade de dinheiro parada. Por mais que haja valorização, como falamos, não é tão simples acompanhar o rendimento de um imóvel como seria de uma aplicação, por exemplo.

Dessa forma, caso você precise vender para adquirir outro imóvel ou mesmo para capitalizar, deverá analisar o mercado no momento da venda para entender o quanto a propriedade se valorizou, o que dificulta um pouco a programação a longo prazo.

Outra desvantagem de comprar é a maneira de pagamento. Caso você tenha o dinheiro para fazer uma compra à vista, é um investimento grande para se fazer de uma só vez, o que pode parecer assustador. Se você tiver parte do dinheiro, uma opção é dar uma boa entrada e financiar o restante.

Isso pode facilitar muito o pagamento à medida que permite dividir em parcelas que se assemelham ao valor do aluguel. O problema é que, muitas vezes, os juros são a grande desvantagem.

A soma final acrescida das taxas e juros pode aumentar (e muito) o valor final do imóvel, tornando o aluguel até mais vantajoso por permitir investir o valor economizado.

Alugar um imóvel

A escolha pelo aluguel já foi vista como uma opção que trazia somente desvantagens, já que você paga por um imóvel que não é seu. Mas a verdade é que morar de aluguel pode sim trazer vários benefícios a longo prazo. Veremos a seguir os dois lados da locação:

Vantagens

Pode parecer estranho, mas a verdade é que você pode conseguir fazer uma boa economia morando de aluguel. Isso porque você vai gastar um valor mensal, claro, mas ele pode ser significativamente menor do que o seu ganho e permitir que o restante seja investido.

O recomendado, tanto em um financiamento quanto em uma locação, é não comprometer mais de 30% da renda familiar mensal. Portanto, se você conseguir um aluguel que custe menos do que essa porcentagem ideal, poderá investir o restante e deixar rendendo em um bom fundo ou aplicação.

Além disso, uma vantagem do aluguel é não ser uma decisão tão definitiva. Se você tem planos de talvez morar fora do país por um tempo, mudar-se para outra cidade ou mesmo não decidiu o melhor bairro para morar, alugar dará a flexibilidade necessária.

Desvantagens

Ao alugar um imóvel, uma das partes negativas é não poder investir em um lugar que não é seu. Se você quiser fazer uma reforma, uma alteração de planta ou mesmo uma decoração que demande mais despesas, estará gastando um dinheiro que não voltará para você.

Além disso, o proprietário deverá aprovar todas as obras que você realizar, o que muitas vezes será difícil. Portanto, se você quer deixar o apartamento com a sua cara, o aluguel não é a melhor escolha.

A grande desvantagem, por fim, do aluguel, é não ser uma compra a longo prazo. Enquanto no financiamento você estará pagando por um imóvel que será seu (e do qual você poderá desfrutar após a assinatura do contrato, e não após a conclusão do pagamento), no aluguel você está “gastando” um valor mensal que não será recuperado e nem convertido em um bem.

Comprar ou alugar

As vantagens e desvantagens de comprar ou alugar um imóvel mostram que é preciso muita análise e colocar tudo na ponta do lápis para tomar a decisão que mais se adapta a você. Para facilitar a decisão no sentido financeiro, existe uma forma que você pode aplicar para ver o que é mais vantajoso.

Basta pegar o preço do aluguel, dividir pelo preço do imóvel e multiplicar por 100. Vamos supor que o aluguel é de R$2.000 e o preço é R$400.000. Dividindo 2 mil por 400 mil, e em seguida multiplicando por 100, temos 0,5, o que significa que a taxa de aluguel é 0,5%.

Compare esses 0,5% com as alternativas de investimento mais conservadoras, como poupança e fundos de renda fixa. Se a taxa de aluguel for superior ao rendimento das aplicações, vale a pena comprar. Se for menor, vale a pena alugar e deixar o dinheiro rendendo.

Isso funciona se você for comprar à vista. Caso vá financiar, lembre-se de calcular o valor final do imóvel incluindo juros, taxas e reajustes anuais para saber o quanto realmente vai custar o apartamento.

Então, agora que você conhece os lados positivos e negativos da compra e da locação de um imóvel, faça suas contas e analise seu perfil para tomar sua decisão. Se você busca tranquilidade, com certeza comprar é o melhor caminho; porém, se ainda não está completamente certo do seu futuro, talvez seja uma boa alugar por enquanto e ir economizando enquanto isso.

O que achou deste texto? Ajudou a entender melhor as vantagens e desvantagens de comprar ou alugar? Então, compartilhe-o nas redes sociais e ajude seus amigos que estão com a mesma dúvida!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

.