Afinal, o que é preciso para se tornar um corretor de imóveis?

O setor imobiliário está cada vez mais em expansão no mercado. Isso significa que ele traz uma ótima oportunidade profissional para aqueles que estão em busca de uma carreira na área. Para ajudar na compreensão acerca do que é preciso fazer para começar a atuar, vamos falar sobre o corretor de imóveis.

Um corretor tem sua profissão regulamentada pela Lei 6.530/1978. Isso significa que, além de ter mais de 18 anos, algumas regras devem ser seguidas para ser capaz de atuar como um especialista. Neste artigo, vamos falar um pouco sobre elas, além de trazer dicas que podem facilitar seu caminho.

Se você deseja saber mais sobre o assunto, não deixe de prosseguir com sua leitura!

Faça um curso de formação na área imobiliária

O primeiro passo para atuar como um corretor de imóveis de qualidade é se especializar. É fato que algumas áreas de atuação podem facilitar a vida desse profissional, como administração e marketing. Porém, sozinhas, elas não qualificam o profissional da maneira necessária. Afinal, há muito a se aprender antes de apostar nessa profissão, como:

  • matemática financeira;
  • legislação;
  • arquitetura;
  • sistema tributário;
  • arquitetura básica;
  • especificidades, como documentos etc.

Para garantir essas informações, é possível apostar em alguns cursos técnicos, como em Transações Imobiliárias ou o Tecnológico em Negócios Imobiliários ou Gestão Imobiliária. Eles duram entre 1 e 2 anos. Pessoas que buscam por uma especialização ainda maior podem apostar no Bacharelado em Ciências Imobiliárias, que dura 4 anos.

Participe de estágios como corretor de imóveis

Após aprender a parte teórica que ampara o corretor em seus trabalhos, é hora de se focar na prática. Afinal, o relacionamento entre o profissional e seus clientes deve fluir com naturalidade e solidez — características que devem ser vivenciadas pelo especialista para serem compreendidas.

A participação em estágios é extremamente recomendada, pois ensina o profissional durante o dia a dia. Em alguns casos, ela é obrigatória. Esse momento também será importante para que ele decida, junto a um responsável, em qual área deseja atuar. Existem muitas opções, como:

Registre-se no Creci

Com o diploma em mãos e a experiência prática em mente, é hora de se registrar no Conselho Regional de Corretores de Imóveis. O Creci, além de oferecer suporte ao corretor, ainda atua como uma instituição voltada para fiscalização. Isso significa que ela regula os profissionais — e que é obrigatório ser credenciado por ela para exercer a profissão. Para obtê-lo, dirija-se ao Creci mais próximo da sua localidade portando:

  • foto 3×4 recente;
  • RG ou outro documento com foto;
  • comprovantes de pagamento da anuidade e demais taxas cobradas pelo órgão;
  • CPF;
  • diploma;
  • título de eleitor;
  • caso exista, o certificado de reservista;
  • certificado de conclusão do Ensino Médio.

É preciso ter paciência, pois a aprovação por parte do órgão pode demorar até 2 meses. Porém, após receber a permissão de registro e a carteira profissional, você estará apto a atuar. É claro que, na prática, mais algumas habilidades precisarão ser desenvolvidas. Para saber quais são elas, continue lendo!

E-book Apartamentos CompactosPowered by Rock Convert

Desenvolva habilidades socioemocionais

Como um corretor de imóveis, é certo que você precisará lidar com o público. Dessa forma, desenvolver habilidades socioemocionais se mostra fundamental. Para isso, você pode contar com a multidisciplinaridade. Ensinamentos extras, como de marketing, marketing digital, psicologia, antropologia e sociologia podem fazer uma grande diferença. Invista em cursos nessas áreas e pratique bastante. Assim, lidar com seus clientes se tornará cada vez mais simples e trará resultados otimizados.

Escolha um bom software de gestão

Gerenciar todas as tarefas do dia a dia, clientes e horários pode não ser a tarefa mais simples do mundo para um corretor de imóveis. Assim sendo, a escolha de um bom software de gestão pode ajudar você a manter suas atividades em dia e minimizar esquecimentos. Existem diversas opções disponíveis no mercado — e você deve fazer sua escolha de acordo com suas necessidades.

Invista no networking

Qualquer profissão exige um bom networking. Porém, a área imobiliária pode se beneficiar dele de maneira especial. Ao construir uma rede de contatos sólida, além de aprender com colegas mais experientes, você abre oportunidades para recomendações e a captação de novos clientes. Como consequência, você expande sua gama de contatos profissionais e atinge seus objetivos com mais facilidade.

Aprenda marketing imobiliário

Existe uma área do marketing voltada apenas para o setor imobiliário. Ela diz respeito a um conjunto de estratégias que visam ampliar as vendas de incorporadoras, construtoras, imobiliárias e, é claro, corretores. Ao dominá-la, você se torna capaz de atingir com maior clareza e facilidade seu público-alvo e angariar clientes fiéis.

Estude técnicas de negociação e venda

Durante o contato com a grande maioria dos clientes é certo que você precisará utilizar algumas técnicas de venda. Extraia o melhor de qualquer negociação ao estudar sobre elas e veja seus resultados crescerem de maneira exponencial. Lembre-se de se manter sempre ativo em seu aprendizado, uma vez que frequentemente surgem novas metodologias a serem adicionadas ao seu hall de conhecimentos.

Comunique-se bem

A comunicação de um corretor de imóveis não pode ser nada além de clara e precisa. É imperativo que seu cliente sinta que entende você e que pode confiar nas informações que está recebendo. Por isso, aprimorar suas habilidades verbais constantemente é essencial e deve ser uma aposta para qualquer profissional.

Faça parcerias estratégicas

Finalmente, mas não menos importante, é imprescindível contar com os parceiros certos. Além de atuar como parte de seu network eles podem impulsionar suas vendas e ampliar suas conquistas. Conte com parceiros estratégicos para substituir você em caso de emergência, compartilhar dicas, indicar clientes e muito mais.

Ser um corretor de imóveis pode trazer diversas vantagens, como excelentes ganhos, flexibilidade e o acesso a um mercado em constante expansão. Porém, tornar-se um profissional de qualidade exige esforço e dedicação. Por meio das dicas deste artigo será muito mais simples atingir o sucesso e dar início à sua carreira!

Se você gostou deste conteúdo, não deixe de buscar aperfeiçoamento constante e confira dicas e cuidados necessários na hora de comprar um imóvel!

One Comment on “Afinal, o que é preciso para se tornar um corretor de imóveis?”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *